Hipismo: olimpíadas e paraolimpíadas

Vamos lá, desde que começaram coloquei algumas opiniões minhas em minha pagina no face… Mas existe a “livre interpretação” ou simplesmente aqueles que querem achar “problemas” onde não há!

Meu problema não é com os atletas que nos representaram (eu como atleta não perderia a oportunidade nunca e acho que ninguém deveria perder) mas sim com o processo do qual chegaram la!

No Brasil não temos uma regra clara de quem nos representará e como!

Explico, acompanho o judô, por exemplo, lá eles têm a equipe brasileira fixa de cada peso. Todos os anos os atletas que nela pertencem tem que provar que merecem estar lá e ao mesmo tempo dá oportunidade para quem é bom entrar. Mas como?

Simples… quem está na equipe foca nos campeonatos principais, muitas vezes os internacionais, tudo patrocinado 100%, ou seja, sem gastos para os atletas e recebendo um salário com total apoio a todas as necessidades. Quem pretende fazer parte da seleção brasileira tem um caminho certo a percorrer…

Primeiro começa ganhando competições locais, o que classifica para a regional, na qual esta classifica para a estadual, que por ultimo, chega ao brasileiro.

Os primeiros colocados no brasileiro têm a chance de disputar uma seletiva com os atletas da seleção e os primeiros colocados ficam por lá por um ano, até que tudo se repete!

Além de tudo isso para, se ir para a uma olimpíada você deve fazer parte da seleção e estar devidamente rankeado no mundial, ou seja, dificulta bastante o favorecimento de certos atletas ou o surgimento meteórico de outros. Os atletas em questão são ranqueados junto com os demais do mundo inteiro em suas categorias, então quando se chega em uma olimpíada já se sabe o que esperar.

Já no Hipismo… não temos seleção fixa, nossos campeonatos são abertos a qualquer um, se eu quiser participar do brasileiro basta eu me inscrever! Recordo-me que até tentaram fazer uma seletiva da raça BH, com as eliminatórias e tudo mais, estava até esperançosa, mas e ai… o que aconteceu? Cadê todos aqueles cavalos BH que disputaram as vagas por 4 anos? Todos os atletas que rodaram o Brasil inteiro nas seletivas…

Porque esta diferença gigantesca entre os cavaleiros que moram na Europa e os que moram no Brasil? Por que há mais chances e seletivas para eles do que para nós? O que nos falta é uma regra única para todos os brasileiros, independente de onde você more, se quiser representar a equipe do Brasil, tem que seguir as regras em seu país de origem!

Perdemos muitos talentos que acabam desistindo de seus sonhos por se tornarem impossíveis devido à maneira de como as coisas acontecem hoje! Não há regras de como chegar lá… e qualquer um com um pouco mais de recurso consegue atropelar literalmente quem vem batalhando por um espaço há anos. Se no mínimo conseguíssemos estabelecer um padrão consciente que desse chances iguais aos competidores com qualificação para chegar lá!

Que se coloque todos em pé de igualdade, sem nenhum tipo de favorecimento para assim escolher a melhor equipe para nos representar!

Vamos dar fim ao critério "subjetivo" que já vi ser usado em diversas convocações.

SpurWorkshop equestreThaty VidalAryBotas