Hipismo – primeiros passos

Recebo muitos e-mails e telefonemas me perguntando “em quanto tempo vou aprender a montar?” 

Workshop equestre

Ai está uma questão delicada para se responder, varia de pessoa para pessoa, dedicação e assim vai. 

O que tem que ser considerado é a primeira etapa aonde vai se dominar a base, ai você aprende a montar, depois se escolhe qual das modalidades se deseja praticar.

 

E o que seria a base? 

A base é aprender a controlar o cavalo e ter equilíbrio em cima dele nas três andaduras.

– Passo 

Primeira das andaduras, mais devagar, nesta etapa você pega o equilíbrio básico, a direção do cavalo e o “para e anda”. Inicia o aprendisado das posições corretas do corpo (pés, pernas, tronco e mãos). 

ATENÇÃO parte importante, a sela de hipismo não tem local para segurar, ou seja, em hipótese nenhuma se segura na sela durante o aprendizado das andaduras ou para aprimorar o equilíbrio. 

Pode-se usar a “sela manta com alças” como na na ecoterapia ou no volteio, lá sim se pode se segurar.

– Trote 

Segunda andadura, um pouco mais rápida. Neste ponto você já deve saber controlar as direções do cavalo sozinho e ter um equilíbrio ao passo. 

No trote aprendemos “três formas diferentes”. Trote sentado, onde permanecemos na sela enquanto o cavalo trota, absorvendo o “impacto” com o abdômen”, é muito importante permanecer o mais sentado possível sem “quicar” na sela e com postura.

Após isso tem uma pequena variação que é o trote sentado sem os estribos. 

Temos o trote elevado “fazendo senta e levanta” é quando entramos em sincronia com o trote do cavalo o que fica mais confortável para ambos, nele temos a diagonal certa, para cada lado, ao trocar de lado trocamos a diagonal (seu instrutor devera lhe ensinar), alguns instrutores também pedem para fazer o trote elevado sem estribos (ai ai ai). 

Por ultimo temos o trote na posição de equilíbrio que basicamente é trotar sem encostar na sela.

– Galope 

Ultima das três andaduras, para chegar nele é necessário saber as duas primeiras, esta é a mais rápida.

No galope temos duas “formas” o galope em si, na qual ficamos sentados na sela acompanhando o movimento do cavalo, também temos uma variação sem os estribos para pegar mais equilíbrio. 

Por ultimo temos o galope Sport, na qual galopamos sem encostar na sela (seria a mesma coisa que o trote na posição de equilíbrio). 

Dominando bem as três andaduras e todas as suas variações é a hora de escolher em qual modalidade você dara continuidade. Mas muito cuidado, a base é a parte mais importante da equitação, uma base bem feita garante uma boa evolução, uma base mal feita pode causar problemas e as vezes acaba tendo que ser refeita, o que torna mais difícil o aprendizado.

Escolha com cuidado o local para praticar e os profissionais. Outro ponto muito importante JAMAIS aceite montar em um cavalo sem capacete!!!! Se isso ocorrer no hipismo já desconfie e negue!

Spur
Workshop equestre
Thaty Vidal