Quem monta cai!!

Quem é que monta e nunca caiu do cavalo? Pode ser em treinos, provas ou até mesmo andando ao passo ou subindo no cavalo.

 

Às vezes, são quedas bobas que todo mundo cai na risada (como pegando alguma fruta do pé), outras vezes são aquela quedas que causam silencio (como alguma queda violenta!)! 
 
Mas em tudo isso o mais importante é estar sempre com o equipamento de segurança, ou seja, o CAPACETE. Se eu parar para pensar em todas as minhas quedas, se eu não estivesse usando capacete eu não estaria mais aqui. Ele já me salvou inúmeras vezes, já chegou até a abrir na violência de uma queda.
 
Não existe uma pessoa que monte que esta livre das quedas, elas são normais, mas é sempre bom estar prevenido.  Protegendo a parte principal do corpo que é a cabeça, de resto tudo se conserta. E depois é só montar novamente. 
 
Durante meus anos de cavalo tenho algumas quedas no “currículo”:
– Na escolinha com o Cherubs, tomei um refugo e fui logo de cabeça no paraflanco;
– Com o Tellus em um “x”, ele me arremessou de costas nos ganchos do obstáculo (tenho a cicatriz até hoje);
– Fazendo “ping pong” com a Rainha onde ela me arremessou para cima e eu cai de pé e quebrei o pé;
– Iniciando o Del Rey em um oxer de 1,20m ele pedalou e “deu um ponta cabeça”;
– Galopando com o Vergano e a sela virou;
– Com  a Beca boleando;
– No padoque do Derby com o Biscoito quando mergulhamos em uma poça d’água;
– No indor quando estavamos ganhando a prova;
– Paulista de Amador quando o Bis quase me jogou dentro do rio e neste mesmo campeonato no último obstaculo que ele parou e eu voei por cima de um oxer e cai de costas;
– Saltando 40cm com o bis na pista molhada e ele do nada crava e me joga do outro lado do obstáculo…
 
Estes foram apenas alguns…
 
 E ai esta um vídeo da minha queda mais famosa, clique aqui…

 

AryBotasThaty VidalWorkshop equestreSpur